Etruscos e o anel Sinete




Os etruscos foram grandes metalúrgicos, verdadeiros artistas do ferro e do bronze, produzindo sofisticadas peças decorativas, vasos rituais, ferramentas, acessórios de cavalaria, elmos e armas de elegante desenho e com requintes ornamentais. Evolução semelhante ocorreu na ourivesaria, vindo a dominar com perícia a manufatura em cerâmica, vidro, marfim, prata, cobre, madeira, âmbar, pedras preciosas e outros materiais.


Não se sabe ao certo a origem do anel sinete, sendo muito associado aos gregos e romanos, mas especula-se que os etruscos foram os criadores deste modelo de identificação.


Sinete era um pequeno objeto de metal usados como assinatura do proprietário e/ou responsável por uma organização, estado, empresa, família, partido político, clã, piratas e corsários, para selar e autenticar documentos e cartas. Tinha tanto a forma de um carimbo, como de um anel. Após a assinatura, a impressão era feita com um pouco de cera que é derramada sobre o papel no qual é pressionado o sinete, deixando a marca de um brasão, iniciais ou um símbolo.


Encomende seu Anel Sinete aqui e grave do seu jeito:

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo